HOMENAGEM AOS ACADÊMICOS GEORGENOR DE SOUSA FRANCO FILHO E CÁSSIO DE MESQUITA BARROS JÚNIOR

28/03/2019

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter

Os acadêmicos Georgenor de Sousa Franco Filho (cadeira nº 95) e Cássio de Mesquita Barros Júnior (cadeira nº 17) receberam merecida homenagem da Associação de Advogados de São Paulo, nos dias 28 e 29 de março de 2019, respectivamente, por suas historias e relevância na construção do Direito e do Processo do Trabalho.
Na oportunidade, os citados ex-presidentes da Academia Brasileira de Direito do Trabalho e, por isso, Presidentes Honorários, foram reverenciados por discípulos de cada qual, também membros de nossa ABDT, os acadêmicos Sandro Nahmias Melo (cadeira nº 20) e Luiz Carlos Amorim Robortella (cadeira nº 91). Depoimentos verdadeiros e carregados de emoção!
Após enaltecer a virtuosa carreira de Georgenor na judicatura trabalhista e no magistério, Sandro Nahmias registrou:
“o professor Georgenor, tornou-se membro de mais de 40 entidades culturais e científicas nacionais e internacionais, presidindo – de 2006 a 2010 – a Academia Brasileira de Direito do Trabalho. Continuou semeando conhecimento. É autor de mais de 400 artigos doutrinários publicados em periódicos nacionais e estrangeiros, de 47 livros jurídicos, prefaciou 32 obras e coordenou 10 obras coletivas, sendo co-autor de 52 obras coletivas. Dentre os livros de sua autoria, destacam-se os 21 volumes de Direito do Trabalho no STF e o Curso de Direito do Trabalho, todos com o selo da LTr Editora.”
Em discurso não menos tocante, Robortella ressaltou as virtudes de Cássio na advocacia trabalhista e no magistério, dentre as quais:

“Pouquíssimos contemporâneos têm tanto prestígio internacional e assento nas mais venerandas instituições do mundo jurídico.
Como pensador e escritor, sempre esteve e sempre está em harmonia com seu tempo e espaço.
Desfila pelos palcos internacionais com simplicidade e fidalguia como embaixador de nossas letras jurídicas.
Na dogmática jurídica compreende, apreende e antecipa as tendências que marcam o destino do trabalho.
Várias gerações de juristas estão sendo forjadas por suas ideias, livros, artigos, aulas, palestras, conferências, seminários e arguições de teses acadêmicas. 
Como diria OVIDIO, nem a ira de Júpiter, nem o fogo, nem o ferro, nem o tempo devorador podem destruir a obra do Professor CÁSSIO.

Lê-lo ou ouvi-lo são exercícios de transformação pessoal. Com independência intelectual e neutralidade científica, escapa das armadilhas ideológicas que marcam muitas carreiras acadêmicas.”

Trajetórias brilhantes e coroadas de êxito no seio da comunidade jurídica. Ambas convergem para a Academia Brasileira de Direito do Trabalho, que se associa à justa homenagem prestada a esses dois expoentes do Direito do Trabalho e do Processo do Trabalho.

A íntegra dos discursos está disponível nos links:

https://www.andt.org.br/f/ORACAO%20A%20GEORGENOR%20-%20Sandro%2028.03.2019.pdf

https://www.andt.org.br/f/CASSIO%20MESQUITA%20BARROS%20-%20HOMENAGEM%20Robortella%2029.03.2019.pdf

Notícias relacionadas

29/06/2022

O evento de posse do novo Confrade Célio Pereira Oliveira Neto ocorreu no dia 3 de junho de 2022 no auditório do…

25/06/2022

Rodolfo Pamplona Filho, de 50 anos, é juiz da 32.ª Vara do Trabalho de Salvador, professor universitário de…