43o ANIVERSÁRIO DA ABDT

13/10/2021

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter

Celebrou-se no dia 10 de outubro de 2021, o 43o Aniversário da Academia Brasileira de Direito do Trabalho. Tudo começou em 1978, com a mobilização de ilustres juristas empenhados na criação de uma entidade que viesse a promover estudos avançados na área do Direito do Trabalho, bem como a ampla divulgação dos diversos aspectos inerentes às instituições jurídico-trabalhistas.

Coroando tal empreitada de puro idealismo, realizou-se em 10 de outubro de 1978, no escritório do advogado Custódio Bouças, líder do projeto de fundação da entidade, memorável assembleia da qual participaram alguns dos mais expressivos cultores da Ciência Jurídica, entre eles o Ministro Luiz Gallotti, que assumiu, na assembleia, a coordenação dos trabalhos.

Declarou-se, naquela oportunidade, criada a Academia Nacional de Direito do Trabalho (hoje Academia Brasileira de Direito do Trabalho), designando-se comissão destinada a elaborar o respectivo Estatuto, constituída pelos juristas José de Segadas Vianna, Reginaldo de Souza Aguiar e José Maria Othon Sidou, sob a coordenação do primeiro.

Elegeu-se, desde logo, para presidir a Academia o eminente jurista Arnaldo Lopes Süssekind, que participara da comissão designada por Getúlio Vargas, em 1942, para elaborar a Consolidação das Leis do Trabalho, juntamente com os juslaboralistas José de Segadas Vianna, Oscar Saraiva, Luiz Augusto de Rego Monteiro e Dorval Lacerda Marcondes.

Süssekind exercera, entre muitos outros, os relevantes cargos de Ministro do Trabalho e Previdência Social e Ministro do Tribunal Superior do Trabalho, atuando como representante brasileiro junto à Organização Internacional do Trabalho. Era, portanto, a pessoa vocacionada para, com seu saber e prestígio, levar adiante os destinos da Academia, atribuição que, afinal, cumpriu brilhantemente.

Depois de Arnaldo Süssekind, outros juristas de escol empenharam-se no exercício da Presidência. A eles, tanto quanto aos Titulares das Cátedras que compõem este sodalício, é oportuno prestar as mais sinceras homenagens. Sem o conjunto de tantos valores não teria sido possível atingir o nível de proficiência que a Academia logrou nos 43 anos de sua existência.

Cabe, assim, no momento em que se celebra mais um ano de gloriosa atividade, louvar os seus integrantes e ex-integrantes, reafirmando o propósito medular da Academia de, em última análise, como apregoou o nosso Presidente Honorário João de Lima Teixeira Filho, em discurso pronunciado na abertura do VIII Congresso Internacional da ABDT (2018):

“(…) promover a concórdia, a paz, indutora do bem-estar coletivo, dirimindo os entraves causados pela insidiosa ‘questão social’, que, sob novas moldagens, ainda persiste, em pleno Século XXI, e coloca empregados, empregadores e a sociedade em geral em permanente conflito de interesses”.

Parabéns à nossa venerável ABDT pelo significativo transcurso de seu 43o Aniversário, reverenciando-se, aqui e agora, todos aqueles que dela participam, e que tanto a dignificam.

Saudação calorosa,

Gustavo Vogel

Notícias relacionadas

14/10/2021

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) e a Associação de Advogados de São Paulo (AASP) promovem, nos dias 20 e…

13/10/2021

Celebrou-se no dia 10 de outubro de 2021, o 43o Aniversário da Academia Brasileira de Direito do Trabalho. Tudo…